sábado, 26 de junho de 2010

Desacordo ortográfico

Ok, quem foi o porra que teve a incrível ideia de melecar a Língua Portuguesa? Parabéns, campeão. Sinceramente, eu mal me entendo com as pessoas daqui, o que te fez pensar que eu gostaria de bater um papo cabeça com a galera legal do Timor Leste? A Língua Portuguesa já é uma das mais difíceis de serem entendidas e estudadas e vem esse otário e dificulta mais. Aliás, o problema nem esse foi! Mudar o que precisava ninguém mudou, já que eu ainda tenho que estudar crase todas as terças e quartas. Me diz, pra que caralhos existe crase? Aquela cópia demente de acento agudo. Minha vida não mudaria se a crase fosse - delicadamente - dinamitada e barrada da Língua Portuguesa. Agora, me diz, pra quê tirar o hífem? Aquele tracinho fofo? E, porra, por que aboliram o acento agudo em paróxitonas com ditongos abertos? Que merda é um ditongo aberto? Ninguém escreve notando os ditongos abertos! E meu vestibular como fica? Ah, fico infinitamente agradecida! Investir na minha educação pra eu aprender o novo acordo ortográfico que é bom, ninguém investe, né? E aliás, quem vai ensinar o acordo pra quem não estuda mais? O Batman? O Luciano Huck? Quero ver se quisessem fazer um novo acordo ortográfico Inglês! O que ia rolar de bomba atravessando o oceano Atlântico...
Digo e repito: essa foi a ideia mais ridícula que já tiveram nesse país. Pensar em soluções pros problemas econômicos (vulgo problemas de honestidade) ninguém pensa! Agora, pra
foder a vida do cidadão, tá cheio de voluntário!
Então, quer saber? Eu continuo escrevendo meus "id
éias" e meus acentos em paróxitonas com ditongos abertos, virem-se! Vocês que são ortograficamente renovados que se entendam. Eu estou bem como estou.
_
Ao som de: Welcome to the Jungle - Guns N' Roses

Nota: Originalmente postado em 19 de junho de 2009.

Nenhum comentário: